Home / Programação / Configurando ambiente de desenvolvimento Ruby on Rails no Manjaro

Configurando ambiente de desenvolvimento Ruby on Rails no Manjaro

Neste artigo, aprenderemos a instalar o Ruby On Rails com o RVM (Ruby Version Manager). Iremos também aprender a instalar e a configurar o banco de dados Postgresql, que é bastante usado com Rails em produção (Com o heroku, por exemplo).

Para finalizar, aprenderemos a instalar o Atom, um ótimo editor open-source para programar em Ruby.

Instalando e configurando RVM, Ruby e RoR

Primeiramente, de um update nos seus pacotes para garantir que estejam todos em dia.

$ sudo pacman -Sy

Logo após, instale o curl (Geralmente já vem instalado no Manjaro).

$ sudo pacman -S curl

Com o curl instalado, vamos baixar o RVM (Ruby Version Manager), iremos importar a keyserver:

$ curl -sSL https://rvm.io/mpapis.asc | gpg2 --import -

e depois instalar o RVM:

$ curl -L get.rvm.io | bash -s stable

Com a RVM instalada, iremos abrir o .bashrc que está localiada na pasta home. Iremos utilizar o nano, porém, você pode utilizar o que achar melhor.

Então execute:

$ nano .bashrc

No final da linha, adicione o seguinte comando (Usando ctrl + c, ctrl + shift + v):

[[ -s "$HOME/.rvm/scripts/rvm" ]] && source "$HOME/.rvm/scripts/rvm"

Se estiver usando o nano, para salvar, utilize CTRL + X. Com isso, sempre que o terminal for aberto, ele irá carregar o RVM.

Feche e abra o terminal para carregar o RVM.

O RVM tem algumas dependências. Para instalar, utilize o comando:

$ rvm requirements

Depois destá parte, você irá precisar instalar o libyaml para funcionar o Rails (Importante: É preciso instalar agora, se for instalar depois de instalar o Ruby, terá que reinstala o Ruby para poder usá-la).

No terminal:

$ sudo pacman -S libyaml

e então:

$ rvm install 2.1.5 && rvm use 2.1.5 --default

Com isso, será istalado o Ruby 2.1.5. Troque o 2.1.5 pela versão desejada.

Após a instalação do Ruby, iremos instalar o Rails. O Rails baixa uma documentação grande e geralmente não é utilizada. Para não precisarmos baixar a documentação, usamos o seguinte comando:

$ echo "gem: --no-ri --no-rdoc"

Para finalizar, iremos instalar o Rails, simplesmente usando o comando:

$ gem install rails

Pronto, Ruby e RoR instalados.

Instalando e configurando Postgresql

Postgresql é um banco de dados muito utilizado pela comunidade do RoR. Ele é nativo do heroku, provavelmente o mais famoso site de hospedagem que suporta Rails.

Para instalarmos, executaremos o seguinte comando no terminal:

$ yaourt -S postgresql

entre no console do postgresql:

$ sudo -i -u postgresql

Inicialize a configuração do postgresql:

$ initdb --locale pt_BR.UTF-8 -E UTF8 -D /var/lib/postgres/data

Importante: onde está pt_BR use o arquivo de configuração do seu computador. Como somos brasileiros, geralmente, utilizamos o pt_BR.

Em seguida inicie o banco de dados:

$ sudo systemctl start postgresql

Crie seu usuário:

$ createuser --interactive

Escolha uma senha para seu usuário:

De um exit para sair da linha de comando do postgresql:

$ exit

Entre no command line do postgresql:

$ sudo -u postgres psql

Escolha uma senha para seu usuário:

$ \password nome_do_usuario

Pronto. Postgresql instalado.

Sempre que você for utiliza-lo, use o sudo systemctl start postgresql. Para que ele seja iniciado junto com o computador, para não precisar ficar sempre iniciando, use o comando:

$ sudo systemctl enable postgres

Instalando Atom.

Para finalizar, instalaremos o atom com o comando:

yaourt -S atom-editor

Pronto ! Já está tudo instalado.

Criando o projeto

Para criarmos o nosso primeiro projeto, iremos abrir o terminal e usar o comando:

Rails new meu_projeto -d postgresql

OBS: No lugar do postgresql, você pode botar o banco que você utilia. Se deixar sem o “-d postgresql”, ele irá utilizar o sqlite.

Depois de criado nosso projeto, vamos configurar o arquivo database.yml que é aonde se encontra a configuração do nosso banco.

Navegamos até a pasta config:

$ cd meu_projeto/config

E editaremos o arquivo database.yml

$ nano database.yml

Abaixo da linha pool: 5, adicionaremos as seguintes informações:

host: localhost

user: nome_do_seu_usuario

password: senha_do_seu_usuario

De ctrl + X para salvar. Volte para pasta raiz do projeto:

$ cd ..

Crie o banco:

db:create

E por fim, execute o projeto:

$ rails server

Agora basta abrir seu navegador e entrar em localhost:3000.

Fontes: digitalocean

Sobre Otávio Schwanck

Estudante de análise e desenvolvimento de sistemas, programador Ruby on Rails, usuário do Arch Linux, apaixonado pela simplicidade do Manjaro Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *